quinta-feira, 1 de novembro de 2012

HAITI – CAPELANIA MILITAR REALIZA GRANDE BATISMO NAS ÁGUAS NO MAR DO CARIBE


  
 Mar do Caribe - Praia de Obama - Haiti
(Local escolhido para o Batismo)
Pastores e Candidatos ao Batismo
(Orientaçãos finais aos batizandos)
Pr. Felipe, Pr. Carvalho Lima, Pr. Reis,  Pr. Douglas e Pr. Rufino
(Oração Intercessória para o início do batismo)
 Pr. Felipe e Pr. Carvalho Lima
(Batizando um dos 14 militares)
  Pr. Felipe e Pr. Carvalho Lima
(Batizando um dos hatiano - em lágrimas)
  Pr. Douglas e Pr. Rufino
(a esq/ Charles Pedro já batizado, acompanha e interpreta 
o idioma creole para o batismo de seu conterrâneo)
 
Pr. Douglas e Pr. Rufino
(Batismo de um dos haitianos)
 
 Dezenas de militares evangélicos acompanha mo batismo na praia
1.·No dia 28 de outubro de 2012 (domingo) às 10 horas da manhã, sob forte sol caribenho, dezenas de militares brasileiros reuniram-se as margens do Mar do Caribe. na praia de Obama no país haitiano. Os militares estavam desarmados e desequipados (Exceto os integrantes da escolta obrigatória). Em lugar das armas, os militares portavam a Bíblia Sagrada carregada com zelo. A alegria, o sorriso fácil, e os brados de louvor destes homens em Missão de Paz pela ONU tinha uma razão de ser. Tratava-se da realização do batismo nas águas das vidas alcançadas para o Senhor Jesus, que após o discipulado decidiram fazer confissão pública de sua fé em Cristo Jesus.
2.·O batismo é o coroamento do trabalho árduo e contínuo realizado pela capelania militar evangélica do contingente do Exército Brasileiro no país caribenho. O Haiti é um país localizado na América Central, sua extensão territorial é de 27.750 quilômetros quadrados, totaliza em seu território mais de 10 milhões de habitantes. Marcada por uma série de governos ditatoriais e golpes de estado, a população haitiana presenciou uma guerra civil, terremotos, furacões e muitos problemas socioeconômicos. O Haiti é o país economicamente mais pobre da América.
3.·O Brasil é responsável pelo processo de pacificação no Haiti e comanda cerca de 7 mil soldados da força de paz da Organização das Nações Unidas (ONU). O Exército Brasileiro coordena as ações de paz em todo o território em especial na cidade de Porto Príncipe – capital do país. O 16o contingente brasileiro atualmente em missão de paz no Haiti consta em seus quadros, com o Capelão Evangélico Pr Rogério de Carvalho Lima que é integrante do SAREX (Serviço de Assistência Religiosa do Exército).
4.·O Capelão Militar Rogério de Carvalho Lima é pastor da Assembleia de Deus, filiado aos quadros da CGADB por meio da CEADER (Convenção Evangélica das Assembleias de Deus no Estado do Rio de Janeiro) e apascenta a capela militar da Praia Vermelha no Rio de Janeiro.
5.·A capelania militar evangélica é responsável pela assistência espiritual de todos os militares em missão de paz no Haiti. Dividido em quatro “congregações” em aquartelamento distintos as atividades de culto acontecem diariamente fora do horário do expediente e nos finais de semana. Auxiliado por militares evangélicos o Capelão Carvalho Lima visita as bases militares, os destacamentos avançados e Cias isoladas levando a preciosa palavra de Deus. Dentre as atividades destacam-se: cultos de estudo bíblico, reuniões de oração, curso de discipulado, Escola Dominical, Celebração da Ceia do Senhor, Culto Público, Aconselhamento, Visitas a Hospitais e Orfanatos dentre outros. Uma verdadeira atividade pastoral.
6.·Por ocasião da proximidade do término da missão do 16oContingente, que será rendido pelo próximo grupamento de militares, a capelania militar evangélica realizou grande batismo como coroamento da missão cumprida. Na oportunidade 14 militares brasileiros e 2 haitianos desceram as águas no Mar do Caribe. Um dos haitianos Charles Pedro é o único sobrevivente de uma família de 12 pessoas que morreram no terremoto que assolou o país em janeiro de 2010. Alcançado pela Boa Nova da Salvação, Pedro encontrou paz, alegria e razão de viver em Jesus Cristo.
7.·Para oficiar o batismo nas águas do Caribe o Capelão Militar Pr. Carvalho Lima (AD-RJ) contou com a cooperação dos seguintes pastores que também são militares das Forças Armadas: Pr. Felipe Bello Bastos (Igreja Evangélica Ministério de Cristo-RS), Pr. Carlos Francisco dos Reis (AD-RJ), Pr. AnivaldoRufino (AD-DF) e Pr. Douglas Baptista (Presidente CEC-CGADB e líder AD no Distrito Federal).
8.·Ao término do cerimonial, oficiantes e batizados de mãos dadas dentro do Mar do Caribe, com lágrimas e brados de júbilo levantaram um clamor ao Senhor da Igreja. Na oração, palavras de gratidão pelas almas salvas e rogos de intercessão para que outros sejam enviados para dar continuidade a salvação de vidas no país caribenho. Na praia, os militares evangélicos que a tudo assistiam oravam, glorificavam, choravam de alegria e registravam o evento com dezenas de máquinas fotográficas e filmadoras. Como encerramento, uníssonos sob o forte sol do Caribe as vozes dos presentes louvaram ao Senhor: “Por tudo que tens feito, por tudo o que vais fazer, eu quero te agradecer com todo o meu ser”.

3 comentários:

  1. Parabéns Pr Douglas e Pr Anivaldo Rufino pela benção de estarem nesse pais ao qual temos muita saudade e onde pudemos tambem realizar um batismo nessas águas cristalinas, que bom, glória a Deus. Bom ver o Pr Douglas no Haiti, este era nosso desejo desde o ano passado. Fq com Deus.

    ResponderExcluir
  2. Caro Ev. Souza Dias

    Obrigado pelo comentário. Nestes dias aqui no Haiti podemos perceber a grande necessidade deste povo. Mas essa necessidade vai além dos problemas sócio-economicos. São necessidades espirituais. Por isso a importância do trabalho de capelania realizado por todos os contigentes que por aqui passaram.

    A Paz do Senhor Jesus!

    ResponderExcluir
  3. Parabéns Pastor Douglas e demais irmãos por esta grande vitória, somente hoje, 18/04/14, tomei conhecimento deste momento tão importante para àqueles irmãos que se batizaram e hoje fazem parte do corpo de Cristo. Acabei de divulgar em meu facebook este seu testemunho (relato). Um grande abraço, Arles Barros

    ResponderExcluir